ROTA DO CHOCOLATE: Visitando a Fazenda Capela Velha

ROTA DO CHOCOLATE: Visitando a Fazenda Capela Velha

Sai de Ilhéus 01 hora antes do horário agendado. Foi o suficiente. Estava de carro baixo e não tem problema , por que é pertinho da pista. De ônibus acho inviável, melhor acertar transfer ou pacote com alguma agência de turismo, a Fazenda deve indicar . Por isso lembro o quanto é legal alugar um carro em Ilhéus; dá para ir para às praias do Norte de manhã, almoçar e depois visitar a Fazenda de tarde, ou ao contrário.

A estrada Ilhéus/Uruçuca é sempre um deleite de muito verde. O mapa fornecido pelos proprietários funcionou direitinho. É zona Rural, então tudo tem de ser agendado pelo Instagram ou Zap (073-99030123).

É fazenda, é zona rural, é passeio ao ar livre. Dá para ir de chinelo? Até que dá, mas não é mais confortável nem indicado. Pisar no mato em segurança e sem molhar os pés é ótimo. Fui num dia de chuva belíssimo, e estar de bota facilitou. Nada que um tênis não resolva.

Ainda digo mais, se quiser fazer um book lindo no verde das roças de cacau, pensa o lugar ideal. Não sei por que os fotógrafos daqui não vendem combo ou experiência no Airbnb. Não sei mesmo. Já fiz tour fotográfico e é muito massa. Diversão com registros belíssimos.

A entrada da Fazenda já aquela beleza, patos selvagens no lago, ô deleite.

A casa principal e os anexos, é tudo tão florido.

Esperei um pouco até os outros visitantes chegar. Visitei na Pandemia e achei seguro, tudo ao ar livre, máscara e bastante distanciamento.

Começam as explicações e degustações, o Cacau Chá é delicioso, sai de lá já com a encomenda de uma boa quantidade à granel.

Mesmo num dia de chuva é um passeio muito bom. Eles tem guarda-chuva e nada atrapalha a diversão. Aliás as fotos ficaram lindas. Aliás pense num lugar lindo para fazer book de fotos de sua viagem ou data especial. Eu amo fotos na Mata Atlântica ou na Cabruca.

Mesmo morando aqui há 22 anos sempre é um prazer visitar uma Fazenda de Cacau. Se você não conhece o processo de fabricação do chocolate, vale demais o passeio, pela história, pela cultura, pelo conhecimento e pela diversão em comer tanta coisa gostosa.

Vamos correr roça. Provar o fruto. ver o maquinário.

cacau cocoa

Depois conhecemos a produção, uma fábrica moderna, toda envidraçada em que a produção Bean to Bar é colocada em outro patamar de extrema qualidade.

Terminamos novamente na Recepção que era o antigo secador de Cacau e podemos desfrutar da Lojinha. Levem grana extra por que a FEIRA é providencial. Se estiver de carro leve seu Isopor ou Bolsa Térmica.

  • Barrinhas de chocolate deliciosas
  • Mel de Cacau
  • Geléias
  • Licor de Mel de Cacau (finíssimo), pensa num presente lindo para um amigo e tem vários tamanhos.
  • Cacau chá

Já falei aqui que eu amo chá e viciei comprar em todas as viagens, lembrança bem melhor que quinquilharias que vão empoeirar na estante. Não podia ser diferente aqui na minha cidade. Estou viciada num blend que eu mesma criei. Uma colherinha de chá preto e 3 de casca de cacau, hummmm, …

Passeio delicioso, aceitam cartão e os proprietários são muito simpáticos. Ilhéus não é só praia, é cultura, memória, gastronomia e ecoturismo.

Leia também: Visitando a Fazenda Yrerê

Ilhéus terra do Cacau e Chocolate?

Rota do Chocolate – Visitando a Fazenda Yrerê

Rota do Chocolate – Visitando a Fazenda Yrerê

A Rota do Cacau vem sendo desenvolvida há anos. Primeiro de forma esparsa, agora com força total.

A maioria das pessoas acha que Ilhéus é só mar e praia!

Andou pelo Centro Histórico, comeu quibe no Vesúvio e tchau.

Por favor, não façam isso NUNCA MAIS!!!!

A Rota do Cacau e Estrada do Chocolate existe e você vai se deliciar.

O CENÁRIO

Se você nunca leu nada de Jorge Amado, corre… por que até 1998 ele era o mais lido no país, e sempre estava no top das paradas. A literatura estrangeira começou a invadir o mercado e aí já viram… mas sempre é tempo de corrigir este equívoco. Me lembro que antes de viajar para Colômbia li Cem Anos de Solidão e assisti Amor em Tempos de Cólera e antes de ir para o Chile revisitei os poemas de Neruda.

As fazendas de Cacau com suas peculiaridades foram cenários de livros e filmes na Obra inspiradora de Jorge Amado. Para além disso, hoje estas Fazendas são palco de uma grande ressurreição: CACAU e CHOCOLATE FINO.

MINHA HISTÓRIA DE RAIVA E ENCANTAMENTO

Depois de dizer isto tudo, é véin a historinha de Jurema.

Eu estudei na UESC, Universidade Estadual de Santa Cruz, que fica na Rodovia Ilhéus Itabuna, ou seja, passei 05 anos de minha vida indo e vindo . Depois a pós graduação, depois morar em Ilhéus e trabalhar em Itabuna, são 20 anos subindo e descendo esta estrada. Vi muitas mudanças acontecer. Mas sempre tinha uma plaquinha que eu NUNCA TIVE CURIOSIDADE DE ENTRAR. E eu sou mega-curiosa.

A placa diz: FAZENDA IRERÊ. Depois das redes sociais virar este fenômeno, foi só fotos lindas aparecendo. A Vanessa da Mata fez um vídeo lindo lá.

Daí que durante o Festival do Chocolate de 2019 minha prima veio me visitar e participar do Festival também. Além do site juremacintra.com está credenciado como Imprensa(que chic!!!!!!!), também estava como expositora no stand do GAP- Grupo Amigos da Praia. A gente aproveitou muito o festival.

Minha prima chegou na sexta e de tarde a gente foi logo para o Centro de Convenções cedo. Fizeram uma simulação de Fazenda Cacau com cheiro, folhas, frutos, sons e músicas, foi lindo!!

Daí que tinha uma mini-barcaça e ela não entendeu o processo. Como ela tem 22 anos não tinha como ter assistido a Novela Renascer ( https://www.youtube.com/watch?v=AP4cE7WtcV8 ), passa no Viva e é imperdível. Daí que veio a ideia, vamos numa Fazenda Tradicional e eu só me lembrava da plaquinha “Yrerê”.

Mandei mensagem no Instagram deles e pronto, entrada de segunda à sábado, 09:30, 11:00 ou 14:00. E eu que achava que só dava para ir agendando com agência de turismo… doce ilusão.

Chegamos na hora marcada. Fomos de roupa confortável, tinha gente de chinelo e roupa de praia… cacau e praia… casadinha perfeita.

Eu fui de bota de trilha por que eu adoro correr roça e entrar na Cabruca sem medo e sem preconceito.

Estava chovendo e isso mais ajudou do que atrapalhou. Mata Atlântica chove muito e faz parte do passeio. Tem várias sombrinhas na Fazenda.

Tudo começa num quiosque com cobertura e banquinhos. Nosso Guia Gerson explanou muito bem sobre a história do Cacau na América Latina e Mesoamérica. Depois sobre a descoberta da bebida do chocolate até a primeira barrinha feita por Henri Nestlé. Passamos para história do Brasil, da ascensão do coronelismo até a decadência com a Vassoura de Bruxa e o ressurgimento do cacau com o Movimento do Chocolate Fino. Foi INCRÍVEL.

Chovia forte, esperamos até virar uma garoa, seguimos pela trilha do Saci. Muito linda no meio da Mata Atlântica muito bem preservada.

Paramos debaixo de uma seringueira bem velha. Já mudamos de guia, agora acompanhadas por seu Antônio. Provamos os diferentes tipos de cacau. Vimos a Vassoura de Bruxa agir na planta e tiramos fotos no Meio da Cabruca(consórcio floresta e agricultura cacaueira).

Voltamos pela trilha até a GRANDE BARCAÇA. A mesma que minha prima não tava entendendo a miniatura. Pois bem, quando abre é aquele alvoroço, as amêndoas secando e tivemos outra explicação sobre a fermentação e secagem.

Agora seguimos para Casa sede. Que CASA!!! Todo detalhe é lindíssimo, até o banheiro com a descarga para fora para não contrastar nenhum plástico com a decoração rústica.

Aí foi outra aula, só que chocolate fino, produtos e sub produtos do cacau. Chocolate de Origem, terroir, nibs, manteiga de cacau, pó de cacau. Classificação das amêndoas, modernização da produção, concursos de chocolates … enfim chega o momento tão esperado, a DEGUSTAÇÃO.

Assim como numa vinícola, nas Fazendas de Cacau podemos provar as barrinhas com terroir próprio. Delícia de Suco de Cacau e chocolates das mais variadas proporções: 55%, 65%, 72%, 80%, com nibs , amêndoas caramelizadas, uma infinidades de delícia. Amei o 72% fiquei fã e as comprinhas cresceram.

Sim, por que quando tudo termina, não acaba… temos lojinha com os produtos à disposição e o espaço está aberto o quanto você quiser para obter lindas fotos da Mata Atlântica e do cacau

.

A raiva que senti de mim mesma, só pode ser convertida em encantamento. Demorou muito tempo para ter seguido o apelo da Plaquinha na BR 415, mas o atraso será então recompensado com outras idas. Se tornará roteiro obrigatório para todos os amigos e amigas que aqui me visitarem.

Você que está chegando em Ilhéus, não se esqueça de num dia de chuva fazer roteiro de Fazendas de cacau. Alugue 1 carro e divirta-se. Pode ser muito prático acertar um transfer de ida e volta, por isso só indico pessoas da mais alta confiança e o que ganho é a amizade deles (Madureira 073-999818910 e Amaury 073-991242959m taxistas profissionais)

A visitação e degustação custa R$30,00 por pessoa.

Saindo de lá fomos almoçar bem ao lado no bairro Banco da Vitória, apenas 03 minutos da Fazenda Yrerê e claro comemos no Restaurante Camarões e Mariscos, peçam camarões “grandes”. Lugar é simples, mas a comida deliciosa e farta. Aceita cartão de crédito e conheçam o famoso “Lourival do Pitu”

Voltamos ao Festival do Chocolate e foi mais abuso de degustações maravilhosas e o gostinho de quero mais… quero mais conhecer todas as fazendas disponíveis para o turista. Turismo regional é tudo de bom.

Quer saber mais atrações de Ilhéus? Siga nosso Instagram @juremacintra

Leia mais : Aeroporto de Ilhéus tudo que você precisa saber

Poema: ODE AO MEL DE CACAU

Ilhéus: terra do Cacau e Chocolate?

Qual melhor bairro para se hospedar em Ilhéus?

Aeroporto de Ilhéus- tudo que você precisa saber

Aeroporto de Ilhéus- tudo que você precisa saber

Achava estranho blogueiros escreverem sobre aeroporto, até que a gente começa a viajar mais e ver que cada lugar tem um esquema, uma dificuldade ou facilidade.

O Aeroporto de Ilhéus é meu vizinho e vejo muitas pessoas que estão mochilando principalmente, ficarem um pouco perdidas. A logística de transporte no Sul da Bahia é um pouco complexa.

Daí vão as dicas.

O aeroporto é pequeno, mas algumas informações são essenciais.

TRÂNSITO Ilhéus tem engarrafamento e por isso se você está indo ou vindo para o aeroporto sugiro que usem o aplicativo Waze e avalie o tempo de chegada. tem dias e horários inusitados que tudo trava. Sério, eu quase perdi vôo e conheço várias pessoas que subestimaram o trânsito urbano de Ilhéus. A questão é que o aeroporto fica no Bairro Pontal e só existe uma única ponte. Pronto, manhã, tarde ou noite pode engarrafar.

Certo mesmo é que nos horários de Pico o trânsito é bem lento, ou seja, de 07:00 às 09:00 de 12:00 às 14:00 e de 17:00 às 18:30, avalie e saia com antecedência.

COMPRAS

Houve uma pequena reforma e aumentaram o número de Kiosques.Chocolates Gourmet, Flores, Caixa Eletrônico, Acarajé, Artesanatos. Veja as fotos abaixo que você pode se situar e naquele último momento na cidade, levar uma lembrancinha ou comida típica que só percebeu na última hora.

Artesanatos
Barrinhas de cacau – deliciosas
Avatim – excelentes sabonetes e aromatizantes para tudo.

Não deixem de comprar Avatim no local de seu nascimento. Sim, a Avatim é de Ilhéus, a fábrica fica na Rodovia Ilhéus- Itabuna e a loja é um charme. Eu amo os produtos, a apresentação, design, tudo. Meus preferidos são : sabonete de Cascas e Folhas e aromatizante de âmbar e flor de algodão. Tudo lá é bom. Presente certo para alguém que você tanto ama.

Acarajé para levar- mega prático

A loja mais antiga de chocolate ” gourmet”

UBER

Uber funciona em Ilhéus e é bem mais barato. Fique num local fácil, às vezes ficar na esquina complica tudo.

TÁXI

Táxi em Ilhéus é pesadinho no Bolso. Se for para um lugar mais longe negocie.

ÔNIBUS

Esse tópico é o que mais falarei. Por causa dos mochileiros, viajantes solos e você que quer e gosta de economizar.

Os pontos de ônibus estão apenas dois quarteirões, mas as calçadas estão assim… viram… então… mochilas são excelentes e cuidado com as malas de rodinhas.

Funciona assim.

Você sairá pelo desembarque e logo verá a fila de táxi.

Então vir para esquerda, contorne o estacionamento. Verá o prédio da Escola do Pontal e pronto já estará na Rua Benjamin Constant.

Siga direto.

Siga direto até a Baia do Pontal, você já avistará o Mar.

Siga direto pela rua Benjamin Constant

Quem estiver de carro é a mesma lógica.

No meio do caminho tem esta placa, você está indo bem

Agora você chegou na Avenida Lomanto Júnior e terá de escolher seu destino.

Para Canavieiras, Una, Resort Tororomba, Canabrava, Comandatuba, Olivença; Fique nesta mesma calçada , bem na frente da Escola Barão de Macaúbas pegue ônibus da Cidade Sol ou Rota Transportes, através da Linha Itabuna-Canavieiras.

Olivença é o único destino que tem ônibus municipal urbano.

Para Itacaré ou Rodoviária. Atravesse na faixa de pedestre e siga para direita. Logo verá um ponto de ônibus bem estiloso na frente do Pontal Praia Hotel.

Pegar a Linha Vilela ou Teotônio Vilela que te deixará na Rodoviária. Qualquer linha urbana te deixará no centro da cidade se for o caso.

Na Rodoviária você terá de pegar um ônibus para Itacaré que sai de 1 em 1 hora, ou quem estiver indo para Barra Grande, pegar o ônibus para Camamu e depois lá na cidade fazer a travessia de Lancha Rápida, são apenas 30 minutos na embarcação.

LOCADORAS DE VEÍCULOS

Existem várias, tanto as tradicionais, como as locais e menores. Converse direitinho pois a devolução sempre é tensa, nunca tem espaço para estacionar nas proximidades do aeroporto.

SERVIÇOS

No aeroporto você pode encontrar muito serviços.

Vou mostrando as fotos e as atividades.

Caixa Eletrônico- Banco 24 horas


Polícia Militar – no 1º andar

Infraero
Anvisa

Se você mora em Ilhéus e região e quer pegar sua Carteira Internacional de Visitação, estão aí os horários e o telefone de contato. Não cometa o mesmo erro que eu que tirei a minha em Salvador, só faz com agendamento no site com antecedência. Acontece que no site eu não achei o posto de Ilhéus, mas … enfim… eu tinha outras coisas para fazer na capital baiana.

A carteirinha internacional é muito importante para entrar em alguns países como a Colômbia, Índia em que é obrigatória a apresentação.

Funciona assim, você deve tomar a vacina da febre amarela pelo menos 10 dias antes da viagem. Na carteirinha do Posto de Saúde deve constar alguns dados: LOTE, VALIDADE, NOME DO FABRICANTE, local de aplicação.

Depois vá na Anvisa com esta carteirinha e identidade e pronto. Agora a vacina da febre amarela tem duração por tempo indeterminado , então 1 vez tomada vale para vida toda e a carteirinha também, não precisará renovar de 10 em 10 anos como era antes.

Protetor de bagagem

Estou na transição para uma casa Lixo zero, mas que é útil, nem me fale. estávamos em Buenos Aires com 1 caixa bem feia trazendo os excessos de bagagem(alfajor, vinho e doce de leite. O rapaz embalou e fez uma alça, olha, viajei tranquila depois disso. Não esqueça de enviar o plástico para um posto de coleta ou reciclagem.

carregadores para celular

Parece bobagem, mas até pouquíssimo tempo atrás não tinha. Então agora tem vários totens e é uma mão na roda na hora do aperto.

Agência de Turismo e Câmbio
Outra agência

Se você não reservou nada antes, tá aí uma boa oportunidade. Acho City Tour em qualquer cidade fundamental e em Ilhéus principalmente pois faltam placas sinalizadoras.

Passeio nas Fazendas de Cacau- Imperdível

Se você nunca foi numa roça de Cacau, não pode deixar de fazer este passeio. São muitas opções, desde Fazendas pertinho do centro e outras mais afastadas. A história do Cacau passa por essas fazendas, você verá todo o processo de produção, desde a plantação, colheita e a transformação das amêndoas em chocolate. A incrível Mata Atlântica que faz sombra majestosa para as árvores do fruto ouro.

EMBARQUE E DESEMBARQUE

Vamos falar sobre entrar e sair. O aeroporto é bem pequeno, então a porta de embarque e desembarque estão apenas 50/60 metros.

Sempre fica bem movimentado quando chegam os vôos. É bem rápido o Raio X e tem bancos para aguardar. Mas na boa… sempre tem 2 ou 3 vôos no mesmo horário, então veja no painel de embarque e só entre se seu vôo estiver confirmado e chamando.

No primeiro andar tem uma linda vista panorâmica, dá para ver os aviões pousando, é bem legal, principalmente para as crianças.

Os balcões das companhias estão todos juntinhos e alguns poucos metros do embarque. Mas não se esqueça de cumprir os horários para check-in, despacho de bagagens e apresentação no portão de embarque.

Também tem totens de auto-atendimento que facilitam muito caso você não tenha conseguido fazer o check-in on line. Eu só uso o celular e vai tudo para a carteira digital. É muito prático e bom.

Espero ter dado visão bem ampla de como funciona o aeroporto aqui em Ilhéus e se você vem visitar a cidade e a região Sul da Bahia, sejam bem vindo ao nosso site. No Instagran @juremacintra tem muitas dicas sobre o Sul da Bahia.

ESTACIONAMENTO

Tem tanto o oficial(preços caros) e outros particulares bem do lado .

Alguns encaixa em seu bolso.

Oficial do Aeroporto


Privado -Rua do Bonfim

Quer vir para Ilhéus e está programando sua viagem? Pegue agora este desconto no Airbnb e hospede-se como um local, curta praias e gaste menos. Clique aqui.

Não esqueça de conhecer nossos outros artigos.

Ilhéus- Terra do Chocolate e Cacau?

Ilhéus- Aeroporto, Rodoviária e Uber

Mochilão pelo Sul da Bahia – dicas importantes

ODE ao Mel de Cacau

ODE ao Mel de Cacau

Estava muito ansiosa para escrever, cheguei em casa morta de vontade de colocar para fora o meu amor ao Mel de Cacau. Li num site que Suco de Cacau era quase a mesma coisa que o mel e isso mexeu comigo, muito profundamente, então vamos à ODE.

Ó Mel de Cacau

Ó líquido que escorre silenciosamente do fruto ouro.

Quando o facão afiado rompe a casca, tu estás ainda adormecido

Ó tempo, ó céu, ó vento, açoita a polpa branca tão sutilmente, e o faz despertar

Só o olhar atencioso do peão debaixo do cacaueiro é capaz de notar que tu estás ali

Latente, inerte, pronto para irromper

As amêndoas, amontoadas.

Ó tu, que repousas nas folhas de bananeira

Meticulosamente, empiricamente, poeticamente inclinadas nas madeiras calejadas

O tempo… vai mostrando tua mais pura forma

pelas folhas de banana escorrendo até os potes improvisados te encontrar

Tua límpida preciosidade aparecendo em forma de mel

Mel de Cacau, agora eu te vejo, líquido e também viscoso

Não tão consistente como das abelhas, tuas irmãs de mata

Não tão aquoso.

Oras, não és água?

Oras, não és mel?

Doce, muito doce, dulcíssimo e azedo

Tanta paciência para te esperar

tanta pressa para te provar

O tempo te castiga, logo se perde

Não se tem mais nada a perder

Urge te beber, urge se deliciar contigo

Da frieza da folha de banana, o calor em minutos te fermenta

Corre, apressa-te, o Mel está pronto

Tu que és doce e azedo

Tu que és viscoso e aquoso

Tu que serve da geleia ao molho de peixe

Tu que vai do doce ao salgado

Tu que és paradoxal

Tu que és pura dicotomia

Tu que és antagônico

Tu que reúne tudo em um único momento sublime de ser

Mel de Cacau GRAPIÚNA.

Por Jurema Cintra Barreto, advogada militante, viajante, e apaixonada pelas riquezas do Sul da Bahia

Ilhéus, terra do Chocolate e do Cacau?

Ilhéus, terra do Chocolate e do Cacau?

Já estava adiando este post há meses e não dava mais, a vontade de escrever latejava.

Eu morava em Feira de Santana e vim aqui para estudar na UESC-Universidade Estadual de Santa Cruz e no meu imaginário só pensava em Ilhéus como a terra de Jorge Amado e das Fazendas de Cacau com seus coronéis. Afinal de Contas CACAU foi o primeiro livro de Jorge que li, isso estava carimbado em minha alma de leitora.

Éramos muitos na imensidade da roça. As folhas secas dos cacaueiros tapetavam o chão, onde as cobras esquentavam sol após as longas chuvas de junho. Os frutos amarelos pendiam das árvores como lâmpadas antigas. Maravilhosa mistura de cor que tornava tudo belo e irreal, menos o nosso trabalho estafante. Jorge amado, Cacau, 1933

Cacau- Jorge Amado

Porém, quando cheguei a realidade que vi foi tão diferente… A praga da Vassoura de Bruxa ainda viva, fazendas improdutivas e achar chocolate era praticamente impossível. O sofrimento e pobreza dos trabalhadores rurais descrito no romance??? essa continuava a mesma.

Mas, vamos ao Chocolate, a tal procura incessante. Uns tais que se dizem caseiros, achei caro  sem graça alguma.

Pois bem, conheci a COCADA DE CACAU e amei, mas tem de ter paladar, viu? pois é bem intenso o sabor, um pouco amargo.

Cocada de Cacau

Daí passados quase 20 anos em solo Grapiúna, virei Cidadã Itabunense, Papa Jaca com muito orgulho e sem qualquer demérito, casei, mudei novamente para Ilhéus e vi a região  mudando, eu sinto esses ares chegando cada vez mais.

Recebendo título de Cidadã de Itabuna pela Câmara de vereadores em 2016

Das coisas mais fantásticas desta transformação é o processo de DESCOLONIZAÇÃO da produção agrícola do Cacau. Por décadas e décadas fomos apenas exportadores da matéria prima: as amêndoas de Cacau e agora estamos produzindo Chocolates da melhor qualidade possível. Deixando o sistema Imperialista e nos desenvolvendo????? Quando fui em Gramado há 7 anos atrás achei muito louca a quantidade de fábricas de chocolate e um pé de cacau de mentira para turista tirar foto??? Ué??

Aí lembrei da Suíça e Bélgica também não são assim?? Possuem técnicas fantásticas de beneficiamento das amêndoas e não tem 1 único pé de cacau plantado. Neo-colonialismo? Globalização? enfim…

Cacau é planta umbrófila, ela precisa de calor, água e sombra, descendo pela América Central, de onde é originário, chegou até aqui na mata Atlântica e se instalou muito bem. Professor Augusto Fernandes, antropólogo me contava sobre as comunidades indígenas aqui de Ferradas(Itabuna) que já o cultiva e existem relatos históricos, enfim, essa não é minha área e falo aqui de forma bem simplista me perdoem os agrônomos e historiadores.

Roça de cacau – sistema Cabruca

O que quero falar é sobre as delícias do nosso chocolate do ponto de vista da GULA mesmo, guludice PURA!!!

Já fui em vários festivais do Chocolate que aconteceram aqui em Ilhéus, mas em 2018 eu me esbaldei, aff, foi bom demais!! Provei tudo quanto foi barrinha de chocolate. Quem inventou isso? Ai que loucura !!!

E as essência deste movimento estão ficando, a gente anda pela cidade e encontra lojas de  Chocolates Finos maravilhosas. Eu me acabo mesmo!!

Loja Cacau do Céu

Loja Cacau do Céu

E nos restaurantes e lanchonetes já é possível encontrar vários displays com os Chocolates de Origem Sul da Bahia, produzidos direto pelas Fazendas.

E a gente anda pelo Brasil e lojas importantes já possuem prateleiras, olha essa aí na Eataly São Paulo… choquei de tanta felicidade em ver os produtos do Sul da Bahia com destaque, afinal de contas é o esforço de muitos trabalhadores, muitos produtores que resistiram a grandes tempestades até chegar aqui.

A região Sul da Bahia empobreceu de uma forma assustadora pós-crise vassoura de bruxa e essa Mudança de Hábito do consumo de chocolate, esses novos produtos no mercado estão oferendo uma oportunidade ímpar de resgate da economia, perdoe-me os economistas, mas falo aqui como uma moradora e turista entusiasmada, apenas.

  Leia Também: Chegando e Saindo de Ilhéus – aeroporto e rodoviária

                                 Compras em Ilhéus

                                 Qual melhor bairro para se hospedar em Ilhéus?

                                 Onde comer bem em Ilhéus? Parte 3

Eu sonho em ver o pessoal descer de Navio e fazer Tour do chocolate pela Cidade, voltando com sacolas cheias de Barrinhas e Caixas de Bombons Finos.

Sonho em ver os turistas fazendo Tours pelas fazendas para visitação igual os  amantes de Enoturismo fazem dias e dias de roteiros pelas vinícolas em vários países.

Sonho em ver as pessoas discutindo qual sua Fazenda Preferida, qual sua porcentagem de Cacau Preferida(40%, 50%, 70%), qual sua composição preferida, se com leite de Cabra, com laranja ou Nibs. Dica, olha o meu preferidinho, aí, por enquanto…

Chocolate VAR

E quando eu vou numa loja e acho uma Chocolaterapia??? Eu piro mesmo, quero levar TUDO!!!! Os funcionários do Empório Ilheos foram super simpáticos e tiramos muitas fotos.

Loja Empório Ilheos

2018-12-09 13_05_02 +0000-1 – Amei esse GIF

AAAAAAAAAAHHHHHHHH, esse dia vai chegar e vai ser lindo para esta Cidade, então, SIM, reforçando a pergunta que dá título ao artigo, Ilhéus é SIM a terra do CACAU e do Chocolate, venham ver e experimentar tudo que puder !!!!!!!

Quer saber mais sobre Ilhéus e o Sul da Bahia? Segue a gente lá no Instragram @juremacintra ou procure pela #terragrapiuna tem muito post e fotos legais, além de dicas sobre o que está acontecendo na região.

Quer se hospedar em Ilhéus e já ganhar R$130,00 de desconto?? Então clique aqui e use o AirBnb , a maior plataforma de aluguel de imóveis por temporada do mundo, já pesquisei e os apartamentos em Ilhéus são bons e baratos.

Este post não recebeu qualquer tipo de patrocínio de nenhuma das empresas citadas. Não fomos convidados(bem que gostaríamos) por nenhuma das marcas. Refletem a opinião pessoal da escritora/blogueira/ advogada que viaja . Ter liberdade para falar é tudo de bom e para comer também.