Chile em 20 dias

Chile em 20 dias

Quem já acompanha o site viu uma série de posts da nossa viagem de final de ano pela América Latina e decidi agora falar de cada país.

Foram 20 dias intensos no Chile. Aparentemente muito não é!! Mas acredite, foi pouco , por que o país além de ser imenso em comprimento, tem ecossistemas bem diferentes, de geleiras à deserto, de lagos à arquipélagos.

Vou falar agora sobre itinerário de cidades e a segunda parte sobre as dicas básicas, lembrando que fomos no Verão e tudo muda, clima quente, pouca umidade, passeios absolutamente diferentes do inverno.

Nosso Roteiro :

08 dias em Santiago

4 dias em Santa Cruz e Valle do Colchagua

1 dia em Isla Negra (em trânsito)

3 dias em Vina Del Mar (Valparaiso)

4 dias em San Pedro do Atacama

 

Transporte :

Em Santiago fizemos tudo de metrô e Uber. Apenas no aeroporto onde Uber não chega e táxi é complicado, usamos o Transfer da empresa Transvip . Chegamos e pegamos logo um carro compartilhado que saiu bem mais barato e já acertamos ida e volta. Nem precisa agendar pois funciona 24 horas. Os taxistas te assediam no desembarque , foi algo surreal e intimidador, por isso que os uberistas não se arriscam de entrar lá.

Metrô em Santiago é fantástico, muito fácil de usar, basta baixar aplicativo no celular e se localizar, os pontos turísticos são muito bem servidos de metrô.

No 8 oitavo dia de viagem, alugamos carro no Aeroporto, lembram do Transfer de volta?? Pois é, fomos pegar o carro no aeroporto e de lá já partimos para Santa Cruz, afinal no dia 02/01 teríamos de ir pegar vôo para Atacama, assim, devolvemos o carro também no aeroporto e partimos, sem taxas adicionais, geralmente devolver em outra estação aumenta o valor da tarifa de aluguel. Usamos o seguro de carro de nosso cartão Visa, o que já foi outro custo a menos.

De carro de Santiago até o Vale do Colchagua foi super tranquilo , Ruta 5, muito boa, mega, hiper sinalizada, impossível errar e seguimos tudo pelo Waze, não alugamos GPS.

Fiz pesquisa pelo site Kaiak e achei a mais barata O’Carrol, empresa Chilena, muito boa, aprovada. Não ache estranho pois o funcionário te acompanhará do saguão do aeroporto até o estacionamento coberto e lá que faz todos os procedimentos em pé mesmo, não tinha balcão. Depois vi na internet que  é uma empresa grande.

O carro facilitou muito todos os passeios nas vinícolas, pois são próximas, mais em áreas rurais de Santa Cruz e San Fernando. E haja passeio para fazer neste vale maravilhoso.

Vina Las Ninas

Vina Las Ninas

Pegamos o carro e seguimos para Isla Negra , ver a Casa de Neruda; deixamos no estacionamento pago pois ouvi muitos boatos de furtos de  malas de turistas em veículos .

Almoçamos por lá e seguimos viagem dia 30/12 para Vina Del Mar onde passaríamos o Réveillon. O Waze nos mandou por uma estrada vicinal rural ao invés da principal, que eles chamam de Ruta. Achamos estranho mas fomos e deu tudo certo. O aplicativo estava, na verdade, nos desviando dos mega engarrafamentos. Vina é igual o Ano Novo do Rio de Janeiro, todos querem ir e lota demais.  Confesso que não tem muvuca nenhuma, a queima de fogos  é bem espalhada, democrática, por várias e várias praias  e eu amei !! Conto sobre este Reveillon aqui.

Alugamos Apartamento com garagem pelo AirBNB, muito bom e seguro. Em Vina é impossível achar uma vaga no dia 01/01. Impossível mesmo? Andamos kilometros e nada de uma vaguinha. O bom foi que conhecemos Vina até as parais mais distantes ,  por uma estrada linda, que beira o Pacífico e é uma baita obra de engenharia. Quer ganhar desconto no air bnb? Clica aqui

De Vina del Mar para Valparaiso fomos de Metrô, muito bom. Fizemos free walking tour, andamos bastante, subimos para Casa de Pablo Neruda- La Sebastiana de Uber, pois é uma ladeira cruel e o ascensor(plano inclinado)estava quebrado, para descer bem mais fácil.

Dia 02/01 acordamos cedo e vimos o trânsito no Waze até o aeroporto e tinha engarrafamento. Nos adiantamos e chegamos tranquilo, devolvemos o carro.

Seguimos viagem de avião até Calama. Comprei na Skyairlines, muito mais barata, empresa  local que faz voos dentro do Chile.

Chegando no moderno aeroporto de Calama ainda restava 1 hora até San Pedro de Atacama , estrada linda que já vai te ambientar com o deserto. Tente chegar antes do por do sol. Assim vê a estrada pelo dia com luminosidade. Nosso voo atrasou e perdemos o espetáculo.

Tem Transfer no aeroporto atendo até o último voo da noite.  Reservei antes mas foi totalmente desnecessário. O que aconteceu ?? Não gostei da empresa Licancabur, eles esperam o ônibus antigo encher, lotar e isso demorou demais , estava muito frio.

Licancabur- San pedro atacama

Se você comprar lá na hora , já sai no próximo carro imediatamente. Os preços são tabelados, tudo igual. Não vai mudar nada você reservar antes ou pegar na hora. Gostei dos carros da Transvip e saia todo tempo, não precisava reservar. Já ficam no saguão, os agentes oferecendo.

Em SAN Pedro fizemos passeios com Agência. Tudo lá é complicado e dirigir só se você tiver muita habilidade e coragem.

Depois de 04 dias pegamos um Transfer até Hito Cajon para Bolívia , aqui acaba nossa aventura no Chile e começa a do Uyuni que contei tudinho aqui.


 

Dicas Chile:

Uma coisa que aprendi no Chile foi beber água o tempo todo.

No verão é muito seco e quente. Sem água seu corpo vai sentir demais.

Meu kit sobrevivência também vale para o inverno, é,  neve queima e precisa de protetor solar diariamente e repassar viu???

Kit:

1 protetor solar corporal

1 bloqueador solar facial (+ alto que achar)

1 sorine

1 garrafinha de água (squeeze)

1 protetor labial

1 hidratante corporal

1 hidratante para o rosto

1 colírio

Subindo para 2 mil, 3 mil ,4000 metros tem de beber água de 10 em 10 minutos, são pequenos goles que vão aliviar os sintomas ou evitar o Soroche. Isso me salvou no deserto e quem vai subir para as estações de esqui salvará também. Como disse anteriormente, fui no verão mas estive no deserto que é frio e alto. Soroche é algo que você deve evitar, o mal de altitude é horrível e pode estragar seu passeio.


Internet:

1 chip comprado lá mesmo no aeroporto é essencial. Ou você pode comprar um chip internacional de diversas empresas que vendem no Brasil.


Câmbio:

No aeroporto é péssimo. Vá em Providência ou na Calle Augustina no Centro, são as melhores cotações. Aeroporto eu troco apenas 100 reais para não ficar pura. Paguei Transfer da Transvip no cartão de crédito, já para evitar transtornos com taxistas e notas falsas( problema em todo mundo não apenas no Chile)


Segurança:

Achei Santiago muito segura, mas qualquer lugar turístico tem seus problemas. Cuidado com os batedores de carteira. Então , os mesmos esquemas que temos no Brasil. Andar com bolsa e mochila para frente . Cuidado em metrô e na rua. Cuidado com celular.

Adoro blusas que tem bolsos internos, assim guardo tudo escondido e fico com as mãos livres.

Cuidado com golpistas, que deixam dinheiro cair, que fingem cair ao seu lado, que fingem passar mal, que pedem ajuda com dinheiro. Lemos um panfleto do Consulado do Brasil no Chile que estava sendo distribuído em shoppings. Imagina como deve ser corriqueiro, para um órgão público diplomático emitir tais panfletos.


Compras :

Amamos ! No verão comprei roupa de inverno e esportiva com muito desconto e promoções. Nos principais shopping’s tem o cartão de desconto do turista estrangeiro. Vá sempre na recepção e peça seu cartão de desconto e o caderno com as lojas participantes, apresentando seu passaporte ou RG e se joga !!! Por isso o legal de ir com pouca coisa na mala e ter espaço para comprar algo legal. Santiago tem shoppings de material esportivo, roupa de frio muito boa e com variedade incrível, que esquenta bem. Quem é do Nordeste sabe que essas roupas só usamos em viagens e em algum inverno um pouquinho mais puxado, por isso gosto de investir em peças boas e coringas, que vão servir para outras viagens e que combine com o que já tenho.

Amei conhecer a pedra Lápis Lazuli. Linda demais . E só compramos de lembrança ímãs de geladeira pois ainda teríamos semanas de viagem pela frente.

Cobre: cada item de cobre maravilhoso, muitos para decoração. Repito, vá com menos coisas na mala e volte com lembranças úteis!! Peças que você sempre lembrará daquela viagem maravilhosa.

Vinhos: leia antes as regras de cada companhia aérea. Prefira os que você não acha no Brasil de jeito nenhum. Cassilero Del Diablo, por exemplo, para que trazer se acha facinho em qualquer mercado no Brasil???

Agora, aquela vinícola pequena, quase artesanal, que você jantou, que tem um reserva especial, que no Brasil não chega, vale demais levar umas garrafinhas. Sugestão são os vinhos Rosé do Chile, considerei especiais.


Roupa:

Verão : as mesmas do Brasil, muito quente mesmo e tênis!!! Você vai andar muito.

Inverno : roupas térmicas e botas impermeável.

Sinceramente não oriento ninguém levar sapato alto, ou bota com salto. Só se for para tirar uma foto e guardar na mochila novamente(depois a gente discute esse excesso de vaidade). Santiago é uma delícia para andar. Sapato alto pesa, incomoda e não é nada prático.  Adoro proteger meus pés. Até sapatilha eu estou evitando. Por quê??? Eu não aprendi; certa feita em Portugal e agora na Bolívia, o dia estava lindo e sai de sapatilha, somente. Aí deu uma chuva inusitada, meus pés molharam, eu tive de comprar um sapato em Braga(Portugal). Na Bolívia tive de comprar uma meia térmica de lã, bem grossa na primeira loja que achei. A gente não conhece o clima ou subestima e pés gelados é uma porta para gripe. Incomoda demais e dá uma agonia que estraga seu dia. Não dá para voltar no hotel só para colocar a bota. E a Chuva, foi A CHUVA!!!!! Fiquei de pés molhados, comprei a meia, parei num banheiro, fui enxugar, secar, mas continuou chovendo. Estou aprendendo na marra.

Eu sou morta de frio, então quando viajo levo blusa e calça térmica, gorro, chapéu, luvas de couro, blusas de la, sweater, pijama de flanela, cachecol. Quando a viagem é urbana levo sobretudo bem pesado e grosso, quando tem passeios de natureza levo casaco térmico de fleece. Compramos um casaco duplo na Columbia, em Santiago , o preço estava ótimo, pois era verão e coleção antiga estava em promoção. Isso que eu falo, aproveita a viagem para comprar coisas úteis, legais e com preço bom.

Seguro Viagem:

Não tem como viajar para o exterior e não adquirir seguro viagem. Compramos passagens com milhas, mas pagamos as taxas de embarque no cartão,  a Visa fornece seguro para mim e meu esposo gratuitamente. Mas veja as regras direitinho para cada cartão, ainda mais quem for fazer esporte radical. Sempre tem boas promoções e se seu cartão está no limite, veja este site,  faça cotações entre várias empresas e emita seu boleto.

Mas Jurema, cadê as fotos maravilhosas deste país encantador????? Ficou curioso? Curiosa? Curiosx?? Então dá uma passada em nosso Instagram @juremacintra que falo bastante, inclusive com Destaques no Stories .

Leia também:  Salar do Uyuni sem perrengues

                           América Latina – como preparar mala de calor e frio na mesma viagem

                           Reveillon em Viña del Mar – como é?

Programando uma longa viagem pela América do Sul – dicas

Programando uma longa viagem pela América do Sul – dicas

É, os amigos já perguntam:e aí, qual seu próximo destino?? Estamos virando viajantes profissionais??

A próxima odisseia será pela América do Sul, de norte à sul pelo Pacífico. Está dando um medinho e friozinho na barriga pois nunca fizemos, eu e meu esposo, algo tão grandioso e por tanto tempo. Quando era criança, o máximo era passar 2 meses de férias na casa da vovó em Seabra. Serão 33 dias intensos em mais de 13 cidades.

Muitas dúvidas e ler blogs de viajantes me ajudam muito,e também me angustia, é tanta informação, que fico igual barata tonta no tiroteio de tanto conteúdo. Então depois de ver 50 milhões de vídeos no youtube e com grau de ansiedade 200%, decidir escrever para desestressar e compartilhar essas angústias e descobertas com os viajantes.

Vou fazer como Jack e dividir por partes.

1ª angústia – escolhendo o VÔO – menina, isso foi um suplício, pois os trechos eram por “múltiplos destinos” , cidades diferentes, e daí que nem TAM, nem Avianca estão com essas opções no Brasil.  No Site Avianca.com(sem o BR.), eu ainda conseguia, mas não com destino final Ilhéus, ou com valores astronômicos de 10.000 ou 14.000 todos os trechos(tá louca!!!!). É estamos isolados aqui nas terras grapiúnas. Daí só restou os sites de viagens, e era focar, focar, olhar todo santo dia, até achar um preço bom. 3 países, 4 trechos. Usei o Viajanet  .  Realmente é bom, está em português e ajuda muito, só que o valor dos preços vivia mudando e quando eu clicava em comprar, o preço mudava, enfim, mas a busca por lá foi boa.

Fico atenta nas promoções em 2 aplicativos: Melhores Destinos e Passagens Imperdíveis, são muito bons e o Storie deles no Instagram sempre tem alguém mostrando algum lugar no mundo.

Gostamos de usar milhas e virei piolho de acumulação. Tudo que compro tem de acumular DOTZ ou Pontos Multiplus, a viagem para o Uruguai e para Argentina que contei aqui foi toda com pontos DOTZ ida e volta saindo de Ilhéus, saiu por 1000 reais para duas pessoas, com taxas e tudo, só não foi menos, por que não comprei com mais antecedência.

Móveis, computador, eletro, livros, seguro de carro e residencial, dá para comprar tudo no Multilpus, agendar no booking e AIRBnb, tudo mesmo, dá para acumular milhas e sou fã disso. A dica é ler com atenção, permitir as notificações no computador, chegam ofertas ótimas. São Paulo – Ilhéus ida e volta apareceu durante 1 mês por 800 à 1000 reais, comprei milhas e saiu por R$320,00,  bem nos horários que eu queria. Comprar milhas é um bom negócio quando tem promoções de compra. Também tem promoções de Transferência de milhas do cartão de crédito. Fiquei para morrer pois transferi meus pontos e só depois de 1 semana apareceu a tal promoção que garantia mais 35% de bônus. As empresas que administram milhas estão loucas atrás de clientes, é um mercado que cresce muito.

Também usei aplicativos como Kiwi , Kaiak, Momondo, acredite o mesmo trecho aparece com valores diferentes.

Nós iremos de TAM, e voltaremos de Avianca, além de vôos internos pela Sky Airlines  no Chile e Amaszonas na Bolívia. Em dezembro, aguardem surpresas.

2ª angústia – escolher hotéis ou Air BNB? – sabendo que alguns locais são bem complicadinhos, muito pobres, apesar de imensamente belos, ou desorganizado preferimos Hotel. Nas cidades bem estruturadas e seguras usamos o AirBnB e amamos, se você quiser um desconto na primeira estadia use o nosso código, assim você ajuda o blog a se manter. Mas esses sites como Hotéis .com e Booking nos dão tantas opções que a pessoa fica louca procurando as melhores alternativas. Eu sempre leio os comentários no aplicativo Trip Advisor, pois acho bem reais e úteis. Leio comentários, vejo o mapa e localização, vejo fotos de tudo, banheiro, varanda, tudo… muitas vezes as fotos no site são lindas e no Tripadvisor a gente vê as fotos de quem foi mesmo lá e se decepciona.

 

Leia também:

Organizando sua primeira viagem para o exterior sem perrengues – Destabaroando

O incrível Cemitério da Recoleta em Buenos Aires – fuja da mesmice

Fiz as pazes com o Rio de Janeiro- 3 dias de viagem incrível

Mulher viajar sozinha é quase como cometer um crime

Roteiro de 2 dias – Ilhéus e Itacaré

3ª angústia – os passeios – sim, saber o que fazer e como se locomover é um transtorno, aquela viagem dos sonhos pode se tornar um inferno. Eu pesquiso muito em sites de blogueiros de viagens, agências locais de turismo, sites oficiais do governo, receptivos, metrô, aplicativos da cidade, valores, tudo isso é muito importante para você ficar mais segura, afinal não viajamos com excursão, gostamos de caminhar sem contar o tempo, tudo com calma e tranquilidade. Quando fomos no Palácio de Queluz em Portugal, tinha uma excursão de chineses com uma guia e eles não andavam, eles corriam, nem conseguiram ver nada, horrível!!! Eu aproveite para sentir os cheiros do castelo, colher rosas e tirar fotos lindas.

 

4ª angústia – dinheiro- Bem,  serão 33 dias fora de casa e como levar e administrar dinheiro para essas andanças. Olha, já falei aqui antes, quem viaja não é rico, é apenas dedicado e comprometido. Eu fico sem comprar nada, nem uma blusinha para economizar na viagem. Penso que aquele sapato lindo ali na loja do térreo do meu escritório será um lindo jantar num restaurante panorâmico em Santiago. Quem viaja muito não é rico, é aquela pessoa que se planeja e que prioriza a viagem. Tem Hostel para tudo quanto é gosto e preço e quarto em casa de família no AirBNB, então dá , sempre dá. Tem promoções de excursão que divide em 12 vezes, tem PF(prato feito) em qualquer canto do mundo e tem dia de museu de graça também.

Daí, … agora, dei para fazer listinha no Excel, nunca fui tão organizada em toda vida.

Estou tentando pagar tudo pelo Brasil, Air BNB divide em até 6 vezes, Hoteis.com em 12 vezes. Alguns hotéis estão com promoções maravilhosas se você for direto no site deles, acredite o espanhol lido não é difícil assim, ainda tem a opção de traduzir página no Google Chrome. Eu já fiz muita reserva pelo site da Rede Golden Tulip e peguei diárias incríveis, como R$146,00 no Hotel 4 estrelas em Boa Viagem em Recife. 1 segunda por mês tem promoções incríveis, cadastrei meu e-mail e recebo com antecedência esses dias de super-desconto.  Mandei mail para um Hotel em La Paz, pois todos os sites apareciam as diárias esgotadas, tudo lotado e eu nem sabia por quê, descobri hoje o tal do Rali Dakar vai ser nos mesmos dias da nossa viagem, UAU!! Consegui a reserva pelo mail e com desconto, bem melhor que no Booking. Quando estiver lá eu mostrarei tudinho.

O melhor sempre é levar Dólar que tem boa cotação e não desvaloriza. E um cartão de crédito internacional habilitado. Como será muito tempo, se precisar farei pagamentos antecipados do cartão via aplicativo de celular. Também baixei o aplicativo TransferWise, vai que preciso transferir algo lá. Olha é uma onda!!! A angústia só vai acabar no dia 17/12/2017, marco zero da Expedição- Veias Abertas da América Latina.

Atualizado até 22/09/2017

Irei atualizar conforme as dificuldades vão aparecendo, ainda tem Carteira de Vacina Internacional,  Chip com internet internacional, imigração… seguro saúde, afff. acaba não mundão

Como nós ainda não fomos, aguardo as dicas dos viajantes, coloca aí nos comentários e nos ajude a realizar este sonho.

 

5ª angústia – documentação – Olha, isso é uma novela a parte. Tudo bem, na América do Sul não é necessário passaporte, mas você não pode entrar com carteira profissional de Conselhos de Classe como Medicina e OAB, tem de levar identidade mesmo, aquela verdinha. Ela deve ter no mínimo 10 anos de emissão, carteira antiga você poderá ser barrado. Conheço uma pessoa que entrou, não sei como, ele levou a identidade de quando era adolescente e o passaporte vencido para Argentina, mas não arrisque. Eu prefiro levar o passaporte para receber os carimbos, CLARO!!! E uma xérox colorida para andar no dia-a-dia.

Nos 2 países que fomos até hoje na América do Sul que são Uruguai e Buenos Aires(clique dentro do nome e leia nossas aventuras), a migração no aeroporto e porto de Colônia do Sacramento foi bem simples, mas pediram nome do Hotel e endereço. Eu levo tudo no celular e impresso também. Não quero passar perrengue se meu celular descarregar. Levo impresso reservas(hotel/carro/passeios), seguro morreu de velho. Na Europa, em Madri, eles pediram tudo mesmo e leram e fizeram perguntas. esteja afinado.

A carteira internacional de vacinação é outra novela. Veja atentamente o que precisa conter: Nome da Vacina, Número do Lote, data de fabricação, Nome do Laboratório fabricante, local de administração e data de aplicação, só que as carteiras no Brasil, nem tem espaço para isso tudo, o jeito é apertar, veja isso:

 

No site da Anvisa que está bem incompleto tem algumas informações, e lá diz que tem de agendar, quando você clica no agendamento, só aparecem poucas cidades, CUIDADO!!

Tirei a minha em Salvador, e em Ilhéus tinha dois postos, por causa do aeroporto e do porto marítimo. Mas no agendamento só aparecia Salvador. Veja aqui neste link, a lista completa e retire seu Certificado  Internacional de Vacinas mais próximo de sua casa.

Deixo aqui embaixo a lista completa de todas as cidades da Bahia, com serviço público e privado também:

Aeroporto de Ilhéus
Atendimento: segunda a sexta, 9h às 12h e 14h às 16h30min
Telefone: (73) 3633-3332
Endereço: Rua Brigadeiro Eduardo Gomes – Aeroporto Jorge Amado – Bairro: Pontal CEP: 45.654-070 – Ilhéus – BA

Aeroporto de Salvador
Atendimento: segunda a sexta, 8h às 12h e de 13h às 15h.
Telefone: (71) 3204-1540 / 3377-3138
Endereço: Praça Gago Coutinho s/nº – São Cristóvão – CEP:41510250 – Salvador – BA
OBS: A partir de 07 de agosto de 2017, para o atendimento nesse COV, o viajante deverá ter realizado o agendamento e o pré-cadastro na página www.anvisa.gov.br/viajante  .
Sede da CVPAF/BA
Atendimento: segunda a sexta, 8h às 12h e 13h às 15h
Telefone: (71) 3254 5271
E-mail: cvspaf.ba@anvisa.gov.br
Endereço: Avenida Frederico Pontes, s/nº, Edifício Sede do Ministério da Fazenda, térreo, Comércio, CEP 40015-720 – Salvador/BA.

Posto Portuário de Salvador
Atendimento: segunda a sexta, 9h às 16h
Telefone: (71) 3442 0151
E-mail: PP.salvador.ba@anvisa.gov.br
Endereço: Avenida da França, s/nº, Porto de Salvador, Comércio – Salvador/BA
Posto Portuário e Aeroportuário de Porto Seguro
Atendimento: segunda a sexta, 9h às 16h
Telefone: (73) 3288-3177
E-mail: ppa.portoseguro.ba@anvisa.gov.br 
Endereço: Aeroporto Internacional de Porto Seguro – Estrada do Aeroporto, s/n, Cidade Alta – Porto Seguro/BA – Telefone: (73) 3288 3177
Centro de Orientação do Viajante da UFBA – Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos
Atendimento: quinta-feira pela manhã.
Endereço: Rua Padre Feijó s/n, Canela. CEP 40.110-060. Salvador – BA –
Obs: Este COV emite CIVP apenas para pacientes que utilizam vacina de febre amarela ou poliomielite na Instituição.
Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas/Secretaria Municipal de Saúde
Endereço: Avenida Beira Rio, 134, Centro. 42.700-000. Lauro de Freitas – BA.
SEIMI – Serviço Especializado em Imunização e Infectologia
Endereço: Av ACM 585, Complexo Odontomédico Itaigara – Salas 1001 -1003. Itaigara. CEP: 41.825-000 Salvador – BA.

Centro de Vacinas Louis Pasteur
Atendimento: segunda a domingo, 9h às 21h.
Telefone: (71)3289 6000/32896003.
Endereço: Shopping Salvador, Avenida Tancredo Neves, 2915, Caminho Das Árvores -G1.CEP 41820021
Obs.: Verificar os horários de funcionamento nos domingos e feriados.
VACINNAR Centro de Imunização Ltda
Endereço: Avenida Expedicionários, 668, Recreio. 45.020-310, Vitória da Conquista – BA
IMUNIZA – Centro de Vacinação – UNIDADE ONDINA
Atendimento: segunda a sexta, 6h30min às 18h; sábado, 06h30min às 13h
Telefone: (71) 3338 8564 – E-mail: imuniza@imunizavacinas.com.br
Endereço: Avenida Anita Garibaldi, 1259, BOX 08, Ondina
PITUBA
Atendimento: segunda a sexta, de 6h30min às 18h; sábado, de 6h30min às 13h; domingo, de 07h às 11h.
Telefone: (71) 3338 8555
E-mail: imuniza@imunizavacinas.com.br
Endereço: Rua Rio Grande do Sul, nº 635, Shopping Multimídia, Loja 1-A, Box 02, Bairro Pituba – Salvador/BA
IMUNIZA – Centro de Vacinação – UNIDADE LAURO DE FREITAS
Atendimento: segunda a sexta, de 6h30min às 18h; sábado, de 6h30min às 13h; domingo, de 07h às 11h
Telefone: (71) 3338 8555
E-mail: imuniza@imunizavacinas.com.br
Endereço: Avenida Santos Dumont, Km 5,5, nº 6216, Shopping Estrada do Coco, Loja 101, Sl 01, Bairro Estrada do Coco – Lauro de Freitas/BA
IMUNIZA – Centro de Vacinação – UNIDADE CANELA
Atendimento: segunda a sexta, de 6h30min às 18h; sábado, de 6h30min às 13h
Telefone: (71) 3338 8555
E-mail: imuniza@imunizavacinas.com.br
Endereço: Rua Cônego José Loreto, nº 09, 1º andar, Sala 01, Bairro Canela – Salvador/BA
Laboratório LPC
Atendimento: segunda a sexta, de 6:30h às 17h; sábado, de 6:30h às 12h; domingos e feriados, de 7h às 11h
Telefone: (71) 2203 9955
Endereço: Avenida Paulo VI, 1920, Pituba – Salvador/BA
Vacinas VITALAB
Atendimento: segunda a sexta, de 7h às 18h
Telefone: (75) 3321 8135
E-mail: kelen@labvitalab.com.br
Endereço: Rua Comandante Almiro, 404, Bairro Centro – Feira de Santana/BA 
BIOVACINA Clínica de Vacinação
Atendimento: segunda a sexta, de 08h às 12h30min, e de 14h às 17h30min
Telefone: (73) 3525 9620
E-mail: biovacina2008@gmail.com , biovacina@uol.com.br 
Endereço: Rua Coronel Urbano Gondim, 66, sala 03, 1º andar, Ed. Antonio Lobo – Jequié/BA 
LABORATÓRIO SABIN
Atendimento: segunda a sexta, de 6h30min às 18h; sábado, de 6h30min às 12h.
Telefone: (71) 3023-4894
E-mail: vacinassalvador@sabin.com.br
Endereço: Rua das Hortensias, 930 Bairro: Pituba Salvador/Ba.
Roteiro de 2 dias – final de semana em Ilhéus e Itacaré

Roteiro de 2 dias – final de semana em Ilhéus e Itacaré

por Jurema Cintra – advogada e amante de viagens


Morando mais de 18 anos na região Sul da Bahia, conhecemos aqueles locais que não estão nos mapas turísticos. Então decidi falar mais de Ilhéus e região cacaueira e o que temos de bom para explorar.

Se você está a trabalho ou lazer e passará pelo menos 2 dias em Ilhéus, vale muito fazer um mini-roteiro de turismo histórico e de aventura.

1º Dia – Sábado– Escolha  um dia de semana ou sábado(até meio dia) para visitar as atrações no Centro de Ilhéus. É tudo muito perto, você fará tudo andando pelo dia, pois a noite é muito perigoso e  estará fechado, um deserto. Alugar um carro em Ilhéus é a melhor opção, pois táxi é caro e tudo, dependendo da Pousada que você está hospedado, o valor do táxi Ida e volta sairá mais caro que a diária de um carro, muitas vezes as locadoras estão sem veículos, aqui tem muito movimento de negócios, opte pelas menores como a Ilhéus Veículos e alugue com o Luiz no telefone 073-99961-7007.

Pontos de visitação à pé:

-Casa de Jorge Amado

-Catedral de São Sebastião

-Teatro Municipal

Tearo Municipal de Ilhéus

– Sorveteria Ponto Chic – tradição de mais de 50 anos

Adoro sorvete de pitanga ou mangaba

-Igreja de São Jorge

-Maçonaria

-Rua de pedra azul

-Galeria de Arte de Goca Moreno

-Paço da Prefeitura Municipal

-Associação Comercial

-Mercado de Artesanato

Tudo isso dá para fazer em uma manhã.

Aproveite e almoce no Bataclan e conheça lá mesmo o espaço memorial com fotografias e a loja de souvenir que está linda!

No retorno passe na Cacau do Céu e experimente as deliciosas trufas gourmet, a dona é chocolatier tem cursos, é especialista nisso e ainda é bisneta de um coronel do Cacau, alie história com muitos sabores.

Você fez isso tudo e ainda dá para pegar um bronze e o pôr do Sol na Praia do Cristo, tudo bem que pode estar cheia, mas alugue um caiaque, stand-up ou simplesmente pare para comer um tira-gosto como catado de Aratu(marisco típico da região e muito saboroso). Quem sabe você dá sorte de ver um Boto subir o rio.

Noite pode ser agitada, dependendo do dia tem boas festas ou show no teatro, veja mais no site Pimenta Ingressos.  Você também pode ir para Rua Hermínio Ramos no Pontal, mais conhecida como passarela do álcool de Ilhéus(tudo bem, é muito pequena e diferente de Porto Seguro), mas acumula vários bares e restaurantes desde a Praça do Pontal até o final da rua. Gosto  muito do Chickens.

Outra opção é seguir de carro, ainda de tarde para Itacaré e curtir a noite por lá na Rua da Pituba, é uma delícia, cheia de opções de bares e restaurantes e o clima da pequena cidade é muito alto astral, cheia de surfistas e turistas de todo o mundo.

Não deixe para conhecer nada em Ilhéus no domingo, tudo estará fechado, exceto as barracas de praia.

 

2º dia – Domingo – Se você alugou o carro, ótimo, será uma economia. Siga estrada no sentido Itacaré até Taboquinhas.

10:00 – Rafting pelo Rio de Contas com a Ativa Rafting e Aventuras, dê preferência a eles, já escrevi aqui artigo detalhado desta aventura maravilhosa.

12:00 – Almoço Vila Rosa ou restaurante local de comida caseira

14:00 – Visita Guiada pela Fazenda de Cacau e Museu Vila Rosa.

16:00 – No retorno de Taboquinhas para Ilhéus ainda dá para tomar um banho na Cachoeira do Tijuípe.

17:00 – Despedida na Casa da Empada, o melhor restaurante de Ilhéus

 

Passando por Ilhéus num dia de quarta-feira, recomendo sem medo de errar , o almoço no Iate Club com Buffet Árabe livre. Paga-se preço fixo(não lembro de 38 ou 40 reais) e minha nossa, é uma comida de excelente qualidade.

Jurema no Iate Club de Ilhéus- Quarta árabe